Brasil, 14 de Novembro de 2018
22 de outubro de 2018

Hair Brasil 2019: preparativos para o Congresso de Manicures

Hair Brasil - Congresso de Manicures

Uma história inspiradora que mostra que dedicação e persistência é o caminho do sucesso. Essa é a verdade de Gi Camargo, a coordenadora convidada do Congresso de Manicures da Hair Brasil, que começou sua carreira na profissão aos 16 anos.

Depois de perder a mãe e mudar de cidade, ela precisou morar de favor, encontrar um lugar para trabalhar onde pudesse também ter abrigo, tirar o dinheiro da condução de seu próprio bolso e passar mais de 12 horas de um dia fazendo unhas.

O caminho não foi fácil, mas foi com garra e dedicação que ela chegou ao topo. Foi uma das manicures do badalado salão do cabeleireiro Marco Antônio de Biaggi, onde teve contato com jornalistas de moda, fotógrafos, produtores de TV e cinema e diversos artistas famosos. Gi chegou a fazer as unhas da ubermodel Gisele Bündchen antes de abrir sua própria esmalteria, a Gi Camargo Nail Bar.

E nesta profissional a Hair Brasil enxergou tudo o que valoriza e quer transmitir para visitantes e congressistas: histórias para inspirar. A de Gi tem tudo, batalha e dedicação, sempre com o foco na qualidade e profissionalização. Não teve erro, ela alcançou o sucesso. E em 2017 foi convidada para ser a coordenadora do Congresso de Manicures da Hair Brasil.

Hoje em dia, ela conta que consegue ver claramente o quanto a educação e a troca de experiências entre profissionais são essenciais para mostrar que todos podem chegar onde desejam. E ela fala sobre isso com mais detalhes na entrevista abaixo, onde também aborda temas como crescimento e desenvolvimento de mercado, além dos preparativos e novidades para a Hair Brasil 2019.
 

“Ter uma feira desse porte preocupada com o nosso bem-estar é gratificante”


Acompanhe:

Hair Brasil - Gil CamargoHB - Como coordenadora convidada do Congresso de Manicures da Hair Brasil, como você enxerga o interesse dos profissionais pela participação? 
Gi Camargo -
Acho que, cada vez mais, manicures têm interesse em frequentar as feiras e participar dos congressos para realmente saber o que há de novo. A ideia é poder levar até suas clientes todas as novidades, sejam do saber, de produtos ou técnicas. Isso porque a cada mês, uma coisa nova surge para a gente e quanto a isso só tenho a agradecer pelo fortalecimento da nossa categoria. 


“Para 2019, a ideia é levar a prática para o palco”
 

HB -  E o crescimento desta procura nos últimos anos? É significativo?
Gi Camargo –
Não tenho um número exato para expor, mas posso dizer que é muito grande e muitíssimo significativo! E também de mercado. Hoje, tem meninas que mantém a casa e criam filhos sozinhas com o trabalho de manicure, como eu faço há 26 anos. Isso é muito significativo sim! 

HB - Sobre mercado: como você descreve a profissionalização do setor nos últimos anos? 
Gi Camargo -
Maravilhoso! Quando eu comecei, existiam apenas cinco escolas que ensinavam os interessados a fazer unhas básicas. Hoje em dia, temos uma imensidão de cursos específicos para alongamento de unhas, arte nas unhas e muitas outras coisas. Isso tudo me deixa muito feliz e satisfeita. Assim como todos os colegas de profissão. 


“Pudemos aprender a nos valorizar como profissionais e isso vem com aperfeiçoamento e profissionalização”
 

HB – Como você disse anteriormente, muitas novidades e inovações aparecem todos os anos. Os congressos levam isso em consideração na montagem da grade de eventos? 
Gi Camargo -
Sim, e muito! Estamos sempre pensando em levar o melhor para deixar todos os profissionais que buscam atualização e qualificação profissional bem acolhidos em todos os sentidos.

HB – E o que mais é levado em consideração para a definição dos temas?
Gi Camargo –
Para esse ano de 2019 não queremos levar apenas palestras teóricas. A ideia é levar a prática para o palco. Assim, os profissionais presentes podem aproveitar o congresso ao máximo. Esse é o nosso foco principal.


“Já estamos com o nosso Congresso pronto e com tudo escolhido a dedo”
 

HB - Na sua visão, qual é a importância da educação dentro da realidade profissional das manicures? 
Gi Camargo –
São muitas as coisas, mas acho que uma das principais é poder disseminar o respeito pelo nosso trabalho, que nos últimos anos deixou de ser malvisto. Nós pudemos aprender a nos valorizar como profissionais e isso vem com aperfeiçoamento e profissionalização. Falo isso por uma experiência pessoal. Alguns anos atrás eu, como manicure, não gostava de dizer o nome da minha profissão, pois sentia que existia um preconceito bastante acentuado. E isso mudou nos últimos anos graças à educação e eu fico realmente muito feliz.

HB - A Hair Brasil tem seu DNA fincado na educação. Você acha que isso trouxe/traz mudanças para o setor de manicures, especificamente? 
Gi Camargo –
Eu acredito que sim. Ter uma feira desse porte preocupada com o nosso bem-estar é gratificante. A cada ano que se passa, estão sempre pensando e fazendo o melhor para e por nós! E já era tempo. Demorou, mas com iniciativas como a da Hair Brasil de abrir espaços para nós manicures, grandes empresários de marcas passaram a acreditar em nosso trabalho. Fico feliz de poder participar tão de perto desta vitória.

 

Hair Brasil - Gil Camargo

 

HB - Vivendo nos fóruns da Hair Brasil, o que você viu e aprendeu sobre o mercado e suas exigências? 
Gi Camargo -
Antes achava com a chegada da internet não era mais necessário frequentar as feiras. Acreditava que eu já sabia e tinha alcance a tudo. Mas, daí percebi que a feira traz muito mais do que isso: ela aproximatribos de todas as classes. E no final, todas temos a mesma necessidade e vontade de ver e aprender na prática com profissionais experientes e renomados do setor. Isso eu aprendi com a Hair Brasil.
 
HB - E para 2019, como estão os preparativos? 
Gi Camargo -
A todo vapor! Já estamos com o nosso Congresso pronto e com tudo escolhido a dedo para que os profissionais que comprarem o ingresso possa sair de lá com a certeza de um enriquecimento valioso.


“A ideia se baseia em contar histórias, mostrar experiências e dividir conhecimento para fortalecer  mais nossa categoria”
 

HB - Quais novidades já podemos anunciar? 
Gi Camargo –
Já posso dizer que nosso congresso vai ser de aprendizagem, muita! Todos os palestrantes farão uma demonstração no palco para a alegria de todos. Ver na prática é uma experiência excepcional.

HB - E o que mais os profissionais podem se preparar para encontrar por lá?  
Gi Camargo –
Muitas, muitas novidades no setor das unhas e também a participação de uma profissional de longa data e com uma história de vida bastante difícil, mas superada com a profissão de manicure. A ideia de tudo se baseia em contar histórias para mostrar experiências e dividir conhecimento visando fortalecer ainda mais nossa categoria.

 
Mais notícias sobre Notícias da Feira | Voltar
ÁREA DO EXPOSITOR e MONTADOR
Usuário
Senha
Usuário
Senha