Brasil, 14 de Novembro de 2018
27 de agosto de 2018

1ª escola de maquiagem especializada em pele negra no Brasil

Histórias de sucesso sempre são inspiradoras. O resultado final abrilhanta os olhos de quem vê de fora, mas todas elas – sem exceções – têm várias etapas: ideias, empreendedorismo, garra, dificuldades e muita luta. 

A identificação de um nicho específico de mercado é um primeiro passo importante para empreender dentro de qualquer área. E foi desta maneira que a maquiadora Daniele da Mata começou a traçar o seu diferenciado caminho dentro do setor de beleza.

Hair Brasil - Daniele da MataFormada pelo SENAC ela iniciou sua trajetória aos 15 anos dentro da indústria de cosméticos, quando aprendeu a desenvolver alguns produtos. Mas, o grande boom veio na identificação de um nicho específico e de grande importância e relevância dentro do setor: maquiagem especializada em pele negra.

A descoberta do seu mercado

“No meu primeiro emprego, todos os produtos de tonalidade mais escura voltavam para a fábrica com a devolutiva de que não vendiam. Isso sempre me intrigou. Após meu curso de maquiagem profissional, a minha primeira cliente foi uma negra de pele escura e ali notei que teria dificuldades, mas ao mesmo tempo soube que teria mais clientes assim. O fato de ser uma maquiadora negra fez com que a identificação fosse imediata e percebi que podia atender melhor estas mulheres”, conta Da Mata.

Em 2013, quando já era especialista em colorismo e maquiagem artística,Daniele inaugurou Da Mata Make-up, sendo a primeira do Brasil voltada a este mercado, oferecendo serviços para aprimoramento pessoal e profissional de seus alunos através do alinhamento de ensinamentos das técnicas profissionais a conversas sobre autoestima e aceitação. 

O curso foi lançado em três locais diferentes e em todos as inscrições se esgotaram. “Ali, percebi que era uma necessidade real”.

Detalhes e Oportunidades

De acordo com a profissional, para maquiar peles negras, a primeira coisa é que o maquiador entenda a autoestima da mulher negra. “Elas não têm a mesma relação com maquiagem que outras mulheres e, por isso, existem resistências. Por exemplo, o batom vermelho com gloss aumenta o lábio e isso é o que ela não quer. Minha dica é alinhar isso trazendo um produto que mantenha tamanho do lábio natural, despertando a beleza que carrega uma boca vermelha”.

Hair Brasil - Daniele da Mata“Além disso, o tom da pele é outra questão. Percebo que ainda existe muita dificuldade com o uso dos produtos disponíveis no mercado. Por isso, entender quais acinzentam a pele ou quais são as peles já acinzentadas é essencial”. 

A maquiadora destaca ainda que a divulgação do trabalho é de muita importância para conversar com o público de pele negra. “Maquiadores que queiram atrair estas mulheres precisam estar atentos na comunicação feita em mídias sociais, site, etc. Se não há mulheres negras estampando as imagens, elas não vão consumir”

Da Mata destaca um mercado que, em sua opinião, ainda tem muito potencial de crescimento. “Noivas negras. É uma fatia enorme e em constante crescimento. Percebo que muitos maquiadores se afastam por medo ou receio, mas se há vontade de trabalhar com pele negra, eu indicaria investir nessa área junto com uma publicidade e propaganda bem trabalhada.”

Melhoria Contínua

A busca contínua por melhores produtos de beleza para a pele negra está no DNA da profissional que presta consultoria para empresas de cosméticos na área de desenvolvimento de novos produtos. “Desde 2012, posso garantir que o consumo e o olhar da indústria de cosméticos para a pele negra mudou bastante, mas ainda é um processo. Avançamos em tonalidades e em marcas populares, mas não um sub tons de pele”, identifica.

Para somar ainda mais a este currículo, Daniele criou o projeto “Negras do Brasil”, uma escola itinerante que oferece aulas de maquiagem para a pele negra e que já viajou cerca de 15 cidades brasileiras, atendendo mais de 3 mil mulheres em 2 anos. 

“Tenho uma demanda muito significativa com aulas e  meu desejo real é que mais pessoas e mais maquiadores tenham foco em peles negras, afinal somos quase metade da população brasileira. Quero expansões grandiosas”, finaliza Daniele.

No Instagram e Facebook é possível conhecer mais sobre o trabalho da Da Mata 
Já a agenda e outras informações podem ser acessadas no link damatamakeup.com.

 
Mais notícias sobre Notícias do Setor | Voltar
ÁREA DO EXPOSITOR e MONTADOR
Usuário
Senha
Usuário
Senha